segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Normas morais, normas jurídicas

O que são normas morais?
São aquelas atitudes e ações que realizamos baseados em preceitos que dizem respeito a nós mesmos. Ou seja, são frutos da educação, orientação, que recebemos da família, do ambiente onde vivemos. São preceitos introjetados, interiorizados como o que deve orientar uma vida de bem. O sujeito moral é aquele que ao responder a pergunta “como devo viver?”, o faz com a pretensão de que a sua resposta tenha validade universal, possa ser seguida por todos.
A norma moral é resultado da coação (indução, pressão) interna. Ela advém da consciência.

O que são normas jurídicas?
São normas resultantes do Direito, da aplicação de leis, feitas com o intuito de regular a vida na sociedade. As normas jurídicas não precisam de adesão interna, bastando apenas que sejam cumpridas. Então, de fato, são resultado de uma coação externa. Independente de aceita-las ou não, deve-se obedecê-las sob o risco da punição da autoridade. Por exemplo: no Brasil o serviço militar é obrigatório, então, chegando aos 18 anos o jovem deve alistar-se, sob pena de sofrer sanções na sua vida civil se assim não o fizer.

Tanto as normas morais quanto as normas jurídicas podem sofrer desvios. Quando as normas instituídas pelo Estado (jurídicas), não correspondem aos interesses da sociedade, as pessoas sentem-se oprimidas pelas leis. Por outro lado, quando os indivíduos negam as normas morais estabelecidas e criam a sua moral particular, caem no individualismo. Os individualistas não levam em consideração o bem comum da sociedade. Esquecem que o homem não é um ser solitário mas que convive com os outros, e que tem não só direitos mas também deveres.

17 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom. Vou consegui responder minhas questões de filosofia. Yuhoo!!

    ResponderExcluir
  3. Caro Professor, poderia me ajudar?
    Qual a semelhança entre as normas Juridicas e as normas Morais?

    ResponderExcluir
  4. Olha, semelhança entre ambas esta em serem normas de conduta dos individuos, uma porém se impõe pela regramento social e deve ser cumprida, embora possa nao ser aceita pelo individuo ou algum conjunto de individuos. A outra, é resultado de uma reflexão e aceitação interna.

    ResponderExcluir
  5. professor poderia me ajudar?
    em que são semelhantes as normas morais e as normas jurídicas?

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o seu blog, e não é a primeira vez que o visito.
    Não deixe de postar porque, como eu, muitos alunos, procurando por respostas, acaba achando as explicações aqui.
    Preciso fazer um trabalho e acabo sempre me deparando suas postagens.
    =D

    ResponderExcluir
  8. caro PROFESSOR o que DISTINGUE a semelhança entre normas morais e normas juridicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que distingue a semelhança? Perdoe-me, fique confuso. Mas creio que posso retomar a resposta que já postei há algum tempo sobre a semelhança entre normas morais e normas jurídicas. Talvez respondendo assim: o que distingue uma da outra é que a primeira é resultado de uma reflexão e aceitação interna, enquanto que a segunda, se impõe por um regramento social imposto, uma regra de conduta externa que, embora possa não ser aceita pelo indivíduo, deve ser cumprida.

      Excluir
  9. Professoe e ajuda tudo que é mais ssagrado....valendo 20 pontos em filosofia

    B)Só faz sentido julgar moralmente ação de uma pessoa se essa ação foi praticada em liberdade.comente essa afirmacão e de exemplos

    C)Discorra sobre a virtude e o vicio.Analizeos compare os e de exemplos para cada um a partir de seu cotidiano

    D)como se expressa ,no âmbito moral ,ar elação dialetica entre o individeo e a sociedade?quando ococrrem transformaçoes nas normas morais?

    E)com base nas distinçoes feitas neste capitulo,analize e compare as seguintes escolhas morais

    1-a açao correta e açao incorrreta
    2-a açao incorreta e a que expressa conflito etico
    3-o niilismo etico e o permissivismo etico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro linneker, eu sei que parece não ser fácil. Mas há muita informação sobre estes conceitos todos, disponivel na internet. Não copie, mas tenho certeza que terás condições de elaborar as respostas necessárias sem que precise se delongar muito. Seria anti ético eu responder por ti. Por outro lado, infelizmente, ultimamente, disponho de pouco tempo para que possamos tecer mais consideraçoes aqui e isso agregar mais informações que o ajudem a responder. Boa sorte. Se chegastes até aqui, podes ir mais longe.

      Excluir
  10. uuuuuuuuuuuuuuuuuuui, tomo em linneker.
    professor consegui fazer minha atividade, obrigada. :3

    ResponderExcluir
  11. Professor esse ultimo parágrafo explica a questão de que as normas jurídicas e morais são iguais..???

    ResponderExcluir
  12. O que seria liberdade diante dessas normas?

    ResponderExcluir
  13. Realmente seu blog é maravilhoso, não é a primeira vez que visito e sempre fico satisfeito.

    ResponderExcluir
  14. Professor todas as normas são juridicas

    ResponderExcluir
  15. As normas jurídicas regulam a conduta o indivíduo na sociedade!!!!!Maravilhosa essa matéria, adoooooooooooooro...........

    ResponderExcluir